14 parques provinciais pra dar aquela viajada nesta temporada primavera/verão

Espalhe essa ideia

Agora é a hora, my friend. A chegada do verão traz todo um novo comportamento e uma maneira de viver que transforma todo Canadá. Você chega até a ficar meio perdido de tanta coisa pra fazer pra aproveitar ao máximo cada momento da estação mais esperada do ano. Viajar e curtir os parques é uma delas. Então, fique com 14 destinos, só aqui em Ontário, pra você curtir um sábado de sol (sem frio) com a galera.

awenda

Awenda Pronvicial Park (170km)

Um modesto “parquinho” ao Norte de Toronto. São só 2.900 hectares de florestas, beirando o Lago Georgian Bay, onde você vai poder curtir mais de 30km de trilhas, praticar canoagem, levar sua cabaninha e tocar violão olhando pras estrelas e coisa e tal.

georgian bay

Georgian Bay Islands National Park (181km)

Um pouco mais ao lado do parque aí de cima, aqui você tem um arquipélago — que nada mais é do que o mais largo arquipélago de água doce do mundo! Também muita floresta e formações rochosas pra deixar o cenário mais bonitão. Além de várias trilhas de bike e caminhada, além de espaços para acampar a beira do lago.

petroglyph

Petroglyphs Provincial Park (195km)

Agora mais do lado East de Toronto, você vai encontrar uma das maiores reservas aborígene do Canadá, e com umas gravuras nas rochas. Um verdadeiro Instagram pré-histórico de ancestrais canadenses. E do lado: o Lago McGinnis, que é o único lago do Canadá que é meromítico — num sabe o que é isso, né?! É um fenômeno raro em que as águas profundas nunca se misturam com as águas superficiais. Não me pergunte como isso acontece.

sandbanks

Sandbanks Pronvincial Park (218km)

É uma prainha, mas não é. Sabe aquela: #sqn? Então, fora isso, tem umas barreiras de dunas bem legais e gigantes. Um bom lugar para aquele piquenique de fim de semana, com ou sem Tim Hortons. Ali também durante a primavera tem uma grande migração de passarinhos, pra quem curte passarinhos, óbvio.

silent lake

Silent Lake Provincial Park (220km)

O “Lago Silencioso” faz jus ao nome: com certeza, você não vai ouvir um sertanejão naqueles lados. É um lugar também recheado de trilhas, tanto de caminhada como de bike, e algumas pelas montanhas. Além de maravilhosos pontos de observação (traduzindo: lugares bacanas pra tirar fotos), algumas tímidas praias e lugares pra acampar, e ficar no silêncio.

pinery

Pinery Provincial Park (230km)

Agora pros lados West de Toronto, vamos para o Pinery. São cerca de 10km de praias beirando o Lago Huron, uma biodiversidade bem múltipla e como destaque: um pôr do sol que foi classificado pela National Geographic entre os 10 mais bonitos do mundo. #selfiesunsetpinery

bruce peninsula

Bruce Peninsula National Park (274km)

Bem ao Norte de Toronto, bem lá em cima, num bico de terra que vai entrando dentro (redundância?) do Georgian Bay. Na verdade é um parque nacional. Tem uns penhascos malucos, árvores de cedro pra todo lado, orquídeas as mais diversas, samambaias (quem diria que você iria ver samambaia no Canadá, hein?!) e pra acompanhar: alguns ursinhos, não sei se carinhosos.

be

Bon Echo Provincial Park (278km)

Você deve estar percebendo que tem parque pra todos os lados de Ontário, este fica ao Leste. Lá tem uma parada bem legal que é uma big encosta de montanha, com uns 100 metros de altura, com mais de 250 desenhos aborígenes desenhados. Daí você vai me perguntar: mas, como eles fizeram aqueles desenhos lá? Sei lá como! [#x-files] Só sei que você pode fazer passeios de canoa, botes, tem umas trilhas supimpas por lá etc.

algonquin

Algonquin Provicial Park (296km)

A distância vai aumentando e o tamanho do parque também. Há umas 3 horas e meia de Toronto, este parque é quase tomado por árvores de maple, montanhas, penhascos e vários “pequenos” lagos. Tem nada mais nada menos do que 14 trilhas de caminhada, um museu (dentro do parque!) e inúmeros espaços para acampar. Além disso, é um ótimo lugar para pescar trutas. Não é qualquer pescaria, é de tru-tas.

charleston

Charleston Lake Provincial Park (315km)

Bem a East de Toronto, quase chegando em Ottawa, mas um pouco mais pra baixo, você encontra o Charleston Park. Também um bom lugar pra nadar (encara?), pescar, andar de canoas etc. Além de dar aquela caminhada nuns picos bem altos, mas bem altos mesmo! Percebeu que esse parque é 180bpm!

thousand islands

Thousand Islands National Park (317km)

Isso é um desbunde de ilhas: são cerca de 1.864 ilhas e algumas delas particulares, divididas um pouco pra cá e um pouco pros Estados Unidos. Umas com mais de 100km2 e outras bem minúsculas. Enfim, você ter várias pra escolher pro seu passeio. Na ida aproveite pra dar uma passada por Kingston.

grundy

Grundy Lake Provincial Park (326km)

Agora subindo um pouco mais ao Norte, também com algumas ilhas e propício para prática de canoagem e caiaque, e cercado de trilhas e praias. Enfim, um lugar tranquilão, bonitão e preservadão — um verdadeiro espaço lorde dos parques canadenses.

point pelee

Point Pelee National Park (354km)

Lá pras bandas West, quase chegando em Detroit, você encontra o Point Pelee. Bem enfiado no Lago Erie, é marcado pela grande quantidade e diversidade de pássaros e borboletas espalhadas por lá. Um ótimo lugar pra acampar na tranquila, não que os outros parques não sejam a paz em carne e osso, mas…. esse tem borboletas.

ki;;arney

Killarney Provincial Park (412km)

Agora o mais longe, mas não menos importante, o Killarney. Este parque ostenta só uns 645km2 de vegetação e de uma costa de granito bem estiloso: granito rosa. O parque é margeado pelas montanhas Cloche e mais uma porrada de ilhas lá pra dentro. Enfim, foi nesse mundaréu de parque que o Grupo dos Sete encontrou inspiração pra sair criando centenas de obras entre as mais reconhecidas do Canadá. Agora é a sua vez de se inspirar.

Boa viagem.

.

Cadastre seu email aqui e receba uma baciada de informações e dicas sobre essas terras canadenses.