10 comidinhas brasileiras que já estão em Toronto, mas você vai ralar pra achar

Logo de manhã, aquele cheirinho de café. Na mesa, pães bem quentinhos, com requeijão. Pra acompanhar, queijo minas – com doce de leite ou geleia de goiaba? Para os mais apaixonados: bolacha Passatempo. Pro almoço o cardápio vai ser: arroz, feijão, mandioca com linguiça calabresa, e uns torremos de petisco. Tudo isso numa mesa canadense, acredite.

A abstinência de comida brasileira e seu característico tempero pode causar sérios distúrbios comportamentais. De repente, você se pega sonhando com pastel de bacalhau, correndo atrás de uma coxinha de carne seca ou mergulhando numa piscina de garapa de cana. Muitos desses desejos gastronômicos você já pode saciar pelo Canadá adentro. Para alívio de muita gente, saiba: a cozinha brasileira já chegou na terra do maple syrup.

A grande questão é: até onde você iria por um bombom sonho de valsa?! Calma. Respire. Cruze os dedos. Você até acha esses 10 produtos aqui ou ali, mas é praticamente uma caça. A busca ao cálice sagrado. Itens indispensáveis na mala da Tia Gertrudes em suas visitas ao Canadá. Então, vamos lá:

Pão Frances, quentinho

Não se iluda, o fato de ter uma bakery perto da sua casa, não quer dizer que você vá encontrar aquele pão francês quentinho pelas manhãs. Talvez, muito talvez, nas queridas padarias portuguesas ou italianas. Agora, ter uma dessas por perto…

Mandioca

Sabe aquela barraquinha do tiozinho, num cruzamento qualquer de uma avenida qualquer do Brasil, vendendo aquela bacia com mandioca? Esqueça. Pra não falar que não existe, você pode encontrar no Oceans.

Sonho de Valsa

Hahahahahahaha…. Nada como sentir falta de um bombom tão… tão… relativamente simples, pra valoriza-lo tanto. Presença certa na mala da Tia Gertrudes. Mas, a busca vale a pena: lá pela Dufferin você pode achar o danado, por generosos dólares. Entenda, no Pavão e/ou no Nosso Talho.

Catupiry

Tudo bem que até no Brasil é difícil achar o legítimo Catupiry, pra não falar no preço. Mas, no Canadá…. well… Catupiry, Caturpiry mesmo… sorry… Você acha um tal de Puck…. paga quase 10 Trudeaus e mentaliza que é Catupiry.

Linguiça Calabresa

Meu…. você vai achar milhares de linguiças nos mercados. Mas, é tanta, mas tanta, que aquela mesmo…. aquela sua preferida, aquela com cara e gosto de Brasil, é uma saga encontrar. Já vi no Pavão, num dia de sorte.

Caldo de Cana

Ah… nada como um caldo de cana, com um pastel pra acompanhar. Verão, ainda que canadense, pede caldo de cana. Óbvio que você não vai achar aquela Kombi velha na beira de uma Highway vendendo garapa com limão ou abacaxi. Mas, lá na St. Clair W. tem – no Dkinnas.

Carne Seca

A danada é sempre bem-vinda em suas “n” combinações, com: coxinha, escondidinho, pastel, feijoada ou até in natura. O problema é: onde encontrar? Pegue o GPS ou um TTC, porque no açougue perto da sua casa não vai ter, e vá pra Dufferin (no Pavão) ou no Távora (em Mississauga). Boa viagem.

Polenta

A polenta mesmo, nunca vi. Digo pronta. Mas, aquela farinha (fubá) pra você dar uma de Masterchef Canadá, você encontra em boa parte dos mercados. Ufa… friozinho pede polenta com ragu.

Acerola

Rico em Vitamina C, fruta sempre presente na arvorezinha no quintal da casa da sua avó, no Brasil. Já no Canadá…. você pode dar sorte de um dia a esmo estar perto do Oceans e calhar de achar por lá. Boa sorte.

Paçoquinha

Nada como uma paçoquinha pra adoçar a vida e as lembranças! A minha preferida, aquela de barra, nunca vi. Já aquela de rolinho, da Yoki, você acha pelos mercados, mas na região da Dufferin (também no Pavão e/ou no Nosso Talho . Graças a Deus.

 

Ah…. pra sua tia Clotilde não ser parada no aeroporto com 50kg de queijo minas e outras cositas más, veja o que pode entrar ou não de comida no Canadá, neste post: “O que você pode levar de comida e bebida pro Canadá”.

2 thoughts on “10 comidinhas brasileiras que já estão em Toronto, mas você vai ralar pra achar”

Os comentários estão fechados.